Contando histórias

Registrar memórias…é tão bom lembrar, contar coisas que aconteceram, rir junto com quem estava lá ou com quem ouve a história pela primeira vez. Nossas vidas são feitas de milhares de momentos que viram histórias depois (boas ou não) mas histórias que fazem parte de nós, por isso é tão importante documentar fatos, ideias, opiniões e o que mais puder ser guardado.

Mas aí você pode dizer que escrever não é fácil, que as palavras não se encaixam, que a narrativa não fica bem como você imaginou, mas mesmo achando complicado colocar seus pensamentos em palavras escritas, seja qual for o resultado, ele é reflexo de você, de como você organiza seus pensamentos e lembranças e isso é muito bom, é até uma oportunidade de auto-conhecimento.

Antes mesmo de criar uma dificuldade tente escrever sem se preocupar com regras gramaticais, só escreva, registre o que vem à sua cabeça.

Escrever bem é um dom e um treinamento mas, antes de tudo, escrever é deixar sua imaginação e sentimentos tomarem forma como palavras, por isso construa suas histórias como mais te agradar. Pode ser um texto, podem ser palavras soltas, um parágrafo ou uma lista numerada, como mais te agradar, o importante é você permitir que seus sentimentos e ideias fluam sem censura e sejam registrados para o futuro.

Um exercício simples é começar por uma foto.

Pegue uma foto que você goste muito, que te transmita alegria e felicidade. Onde ela foi feita, quem estava lá, qual foi o motivo da foto, a data…esses dados simples vão te ajudar a começar a se soltar. Descreva aquele momento como se você estivesse conversando com alguém e você não tem a foto em mãos pra essa pessoa ver. Imagine que você está contando tudo sobre aquele dia, se foi legal ou engraçado, se aconteceu alguma coisa bem doida, se você se divertiu…Conte para o papel, ele é o seu amigo querendo saber tudo sobre aquele dia e conforme você for escrevendo toda as sensações serão revividas, sua memória vai se abrindo e buscando detalhes que talvez nem estivessem mais tão claros assim.

Você já parou pra pensar quanta coisa vem a nossa cabeça quando revivemos uma determinada situação? Quantas sensações aparecem e de repente você vai sorrir sem perceber, pode até rir sozinh@ (eu até falo sozinha, rsrs) e esse é o poder do registro porque nos devolve por instantes, momentos que já passaram. Quem tem a sorte como eu de ter ou ter tido pais e avós que escreviam atrás de fotos sabe a alegria que é ter um registro desses em mãos. Pode ser somente a data ou o lugar mas poder conhecer um pouco mais sobre pessoas queridas que já se foram, ou saber um pouco mais da nossa história através de fotos antigas não tem preço. Ver a grafia de cada um é ver um pouco da personalidade, é mergulhar num tempo que não foi nosso mas que está presente na nossa frente. É incrível.

A questão aqui é você achar que é difícil transcrever sensações em palavras, na verdade não é, mas quanto mais você exercitar mais fácil vai ficar, por isso deixe a timidez de lado e não tenha medo do papel e da caneta.

Se você ainda estiver muito insegur@, escreva pra você. Não imagine que alguém vá ler e conte aquela história organizando seus pensamentos sem se preocupar, transcrevendo o que você achar que vai querer se lembrar no futuro. Pense nos detalhes, em tudo aquilo que é valioso pra você, e não se preocupe, simplesmente escreva.

Conte suas histórias e registre os seus momentos porque na verdade, tudo é importante e com certeza sempre será interessante depois. Desde os grandes acontecimentos até a sessão cinema comendo pipoca no sofá de casa, todas as situações vividas formam a nossa vida e merecem ser documentadas.

Nós queremos te incentivar a escrever, a falar de você e de quem você ama, a guardar suas memórias e decorar suas lembranças de forma artística. Nosso maior objetivo é te ajudar nesse caminho, te lembrando sempre que não existe certo ou errado, existe aquilo o que você quer falar, o que você deseja se lembrar daqui muitos anos e principalmente no que você quer que quem vier depois de você se lembre, porque através das suas anotações as pessoas terão uma clara visão do que aconteceu e serão muito gratas a você por ter parado por alguns instantes para documentar fatos e sentimentos. De quebra ainda terão uma relíquia em mãos, um retrato de quem você é (;

Registrar momentos também é amar quem vem depois de nós porque toda história é importante, ela só precisa sair do imaginário pra se tornar real.

Conte a sua!

Bjs

Selma



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *